Notícias e Novidades

Uber: saiba como funciona o seguro

16 dez / 2018

Durante uma viagem pela Uber, motorista e passageiros estão protegidos por um seguro em caso de acidente. A empresa com mais de 20 milhões de usuários no Brasil fez uma parceria com a companhia Chubb Seguros Brasil S.A. para oferecer a cobertura. O seguro vale para o motorista parceiro desde a confirmação da corrida até finalizá-la e, para o passageiro, durante todo seu trajeto dentro do carro.

A cobertura contra Acidentes Pessoais de Passageiros (APP) inclui o pagamento de despesas médicas hospitalares e odontológicas no valor de até R$ 15 mil. Caso a vítima tenha perda ou redução da função de um membro causando invalidez permanente total ou parcial, poderá receber até R$ 100 mil, de acordo com a avaliação da gravidade. Em caso de morte por causa do acidente, a indenização é de R$ 100 mil.

Para acionar o seguro, o usuário deve entrar em contato com a Uber pelos canais de atendimento, no aplicativo — para celulares Android e IOS  — ou telefone (0800 591 7045 ou 0800 591 1032). A linha de emergência está disponível 24 horas por dia, setes dias por semana. A partir da notificação, o caso será analisado e encaminhado à seguradora.

A apólice é registrada na Superintendência de Seguros Privados (Susep), órgão federal responsável pela regulamentação e fiscalização do mercado de seguros. Os segurados podem consultar a situação cadastral e as condições contratuais, além de esclarecer dúvidas ou fazer reclamações e solicitações, no site www.susep.gov.br ou pelo atendimento ao consumidor (0800 200 70 51). Confira os dados do seguro:

Seguro de Acidentes Pessoais a Passageiros garantido pela CHUBB SEGUROS BRASIL S.A. – CNPJ: 03.502.099/0001-18, Cód. SUSEP: 0651-3 – Nº Processo SUSEP: 15414.003392.2009-11, contratado por UBER DO BRASIL TECNOLOGIA LTDA, CNPJ: 17.895.646/0001-87.

Este não interfere no direito ao seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos (DPVAT), amparo obrigatório que indeniza vítimas de acidentes de trânsito por morte, invalidez permanente e despesas médicas. A Uber exige que os motoristas parceiros apresentem prova de licenciamento do veículo, além de situação regular junto ao DPVAT.